Branding na América Latina: estudos, projetos e autores

Última actualización 15 de Junio del 2020

user

Marina Helguera

Branding na América Latina: estudos, projetos e autores Branding na América Latina: estudos, projetos e autores

O Branding é o processo pelo qual as estratégias de uma empresa para construir uma marca. são gerenciadas. Isso inclui todos os aspectos relacionados à comunicação, à estratégia e à identidade gráfica (símbolo, logotipo, tipografia, etc.).

Atualmente, o mundo dos negócios na América Latina está em constante transformação. Os altos níveis de pobreza e as grandes brechas entre as situações econômicas e a qualidade de vida de seus cidadãos fizeram com que essa região tivesse uma tarefa mais premente no campo do empreendedorismo internacional.

Você está interessado em packaging? Aprenda sobre seu design e estratégia com este curso

Por esse motivo, começaram a surgir talentos e estúdios de branding que têm sabido explorar a diversidade cultural da região para criar seu trabalho de design e promover o sucesso de marcas e/ou projetos. Alguns exemplos são os seguintes:

Alejandro Magallanes (México)

No seu estilo particular, destaca-se o uso lúdico de letras e imagens. Geralmente combina processos analógicos e digitais. Ele criou inúmeros pôsteres e é responsável pela identidade e design da editora Almadía, cuja coleção quase poderia se enquadrar na categoria de livros de objetos.

Obtenha uma Assinatura Premium e continue aprendendo em casa

Catalina Bustos (Chile)

Atualmente, Catalina Bu, como é conhecida principalmente, dedica-se à ilustração editorial e publicitária. Seu trabalho começou a receber atenção fora de seu país como resultado da publicação do Diario de un solo, uma tira de história em quadrinhos que reflete, com ironia e um traço rude e simples, os dissabores da vida moderna.

Rubén Fontana (Argentina)

Um dos designers e tipógrafos mais renomados da região (na verdade, foi ele quem introduziu o ensino da tipografia na carreira de design gráfico da Universidade de Buenos Aires). Seu estúdio, Fontanadiseño, foi encarregado de identidade institucional e corporativa, design de etiquetas e packaging, sinalização e produtos editoriais para dezenas de clientes.

Elliot Tupac (Peru)

Ele se considera um criador e promotor de arte popular. Seus murais e pôsteres são muito chamativos devido ao uso de lettering e explosões de cores. Sua notoriedade na arte urbana também o levou a trabalhar para uma ampla gama de marcas.

Lucho Correa (Colômbia)

Desde 2003, dirige o Lip, seu estúdio de design gráfico e comunicação focado em imagem corporativa, branding, design editorial, embalagens, direção de arte e publicidade. Além disso, desenvolve projetos com outros estúdios e agências como JWT, SCPF, MPC e EspinosaStudio, entre outros.

 

Este breve tour é apenas uma amostra das diferentes vertentes, estilos e possibilidades do universo do branding latino-americano. Como você pode ver, este processo de trabalho é uma parte fundamental para que sua empresa ou produto gere um impacto e atinja sue público-alvo. Com qual deles você se identifica mais?

 

 

 

Recomendados para ti