Saiba mais sobre os 5 empregos que terão maior demanda em 2021

Última actualización 20 de Octubre del 2020

user

Paula Cordero

Saiba mais sobre os 5 empregos que terão maior demanda em 2021 Saiba mais sobre os 5 empregos que terão maior demanda em 2021

Procurando por seus melhores candidatos? Se muitas vezes você não identifica quais posições podem ajudar a melhorar a produtividade da sua empresa e impulsionar a inovação, esta é a sua oportunidade! Tome nota dos postos que terão mais demanda no próximo ano; sem dúvida, o desenvolvimento da tecnologia tem grande influência na geração de novos empregos e no ajuste de outros.

Índice

1. Os postos mais demandados

2. Chief Digital Officer ou CDO

3. Especialista em Inteligência Artificial

4. Cientista de dados

5. Chief Information Security Officer

6. E-commerce Manager

Os postos mais demandados

De acordo com o portal especializado em empregos Jobatus, o futuro do trabalho vai mudar no próximo ano devido ao crescimento das Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC), modificando o perfil dos cargos relacionados com esta área. Nesse sentido, o portal fez uma análise com mais de 300 empresas, nas quais 70% dos entrevistados não possuem o conhecimento digital exigido. É por isso que, em muitas organizações, ainda existem cargos que não foram preenchidos.

Deve-se ressaltar que a mudança de perfis em várias áreas é o resultado da implementação de estratégias de transformação digital nas empresas. Isto, por sua vez, foi impulsionado pelo desenvolvimento da pandemia, aumentando os negócios digitais e o e-commerce. Assim, os empregos mais solicitados pelas empresas estão relacionados a temas como inteligência artificial, big data, cibersegurança e negócios digitais.

Isto vai interessar a você! Pegue um lápis e papel que, a seguir, detalhamos os perfis que serão mais procurados nos próximos meses:

Chief Digital Officer ou CDO

A revolução digital dos últimos anos tem levado as empresas a incorporar perfis digitais a seus quadros, como Social Media Managers, Community Managers, especialistas em SEO, entre outros; Mas quem deve ser o responsável por toda a estratégia digital da sua empresa?

“Embora seja o(a) CEO quem define as diretrizes de atuação, a presença de um(a) profissional é necessária para realizar a transformação de uma empresa clássica em uma empresa digital, interna e externamente. O(A) responsável por buscar novas oportunidades na Internet e direcionar a estratégia on-line é o(a) Chief Digital Officer ”, afirma a IEBS.

Devemos enfatizar as funções deste(a) profissional, pois sua função não equivale ao(à) do(a) responsável pelo Marketing Digital e não é ele(a) que executa a estratégia de Redes Sociais. O que um(a) CDO faz é reorientar todas as funções da organização para incorporar ferramentas digitais que aumentam a produtividade e rentabilidade da empresa.

CDO

Imagem: Freepik

O(A) CDO deve ter sólidos conhecimentos em análise da web, marketing, social media, e-commerce, redação na web, indicadores financeiros digitais e gestão empresarial. E algo muito importante! Deve estar sempre em constante treinamento para adaptar a empresa às mudanças tecnológicas.

Funções do(a) CDO

  • Desenho e direcionamento da estratégia digital da empresa.
  • Capacidade de estratégia e adaptação a mudanças de longo prazo.
  • Visão tecnológica.
  • Tomada de decisão com base em dados.
  • Atribuir recursos digitais às prioridades estratégicas da empresa.
  • Execução de processos de inovação.
  • Desenvolver e administrar o portfólio de projetos digitais.
  • Medir novas eficiências e ROI para substituir processos manuais.
  • Trabalho colaborativo com outras áreas da empresa para restaurar a prioridade e digitalizar processos.

Especialista em Inteligência Artificial

A Inteligência Artificial, em muito pouco tempo, tornou-se uma ferramenta indispensável para promover a transformação digital nas empresas e a criação de novos produtos, serviços e mercados. Este posto terá grande demanda no próximo ano e os profissionais terão que treinar bastante para acompanhar as mudanças tecnológicas do setor.

“O(A) especialista em Inteligência Artificial se encarrega de projetar e criar objetos ou sujeitos artificiais que resolvam problemas ou realizem seu trabalho de forma independente, como os carros que se movem sozinhos ou os robôs que atuam na área de logística”, indica o portal ALAR.

 

Por sua vez, o portal observa que este(a) profissional deve ter sólidos conhecimentos em matemática, aprendizado de máquina, big data, física, programação e deve estudar alguma engenharia que pode ser de sistema, software, industrial ou telecomunicações.

Inteligencia artificial

Imagem: Getty Images

Funções do(a) especialista em IA

  • Desenvolvimento de planos estratégicos para construir soluções inteligentes utilizando Machine Learning (ML) e Deep Learning (DL).
  • Desenvolver protótipos de sistemas inteligentes para compartilhamento, como chatbots, robo-advisors, etc.
  • Projetar soluções de aprendizado de máquina para reduzir custos.
  • Colaboração com a equipe de vendas para criação e execução de planos de negócios.
  • Trabalho lado a lado com a equipe de engenharia para identificar áreas de melhoria.
  • Pesquisar e implementar soluções inovadoras para problemas do mundo real e desenvolver novos produtos.
  • Identificar tendências e casos de uso em potencial para tecnologias de IA disponíveis.
  • Impulsionar tecnologia, adaptar a existente e implementar pilotos para as unidades de negócios de IA.

Cientista de Dados

Você quer saber o que um(a) cientista de dados faz? Continue lendo! Este(a) profissional é responsável por traduzir um grande volume de informações também conhecido como Big Data. Seu trabalho se baseia na interpretação dos dados para a tomada de decisões efetivas a favor da empresa.

Entre as habilidades e conhecimentos que este(a) profissional deve ter estão matemática, estatística, estudos de software de programação, análise de dados massivos como aprendizado de máquina, conceitos de tecnologia e inovação, entre outras.

cientifico de datos

Imagem: El Mundo

Como é o dia a dia deste(a) profissional? Detalhamos suas funções:

  • Coletar grandes quantidades de dados confusos e organizá-los para facilitar a leitura.
  • Resolver problemas usando técnicas baseadas em dados.
  • Trabalhar com várias linguagens de programação, como SAS, R e Python.
  • Dominar técnicas analíticas, como aprendizado de máquina, aprendizado profundo e análise de texto.
  • Dar suporte a TI e negócios.
  • Dar uma ordem e classificação aos dados, para detectar tendências que ajudem a tomar decisões eficazes

Chief Information Security Officer ou Chefe de Segurança da Informação

As informações da empresa são um tesouro inestimável. Por isso, a segurança destes dados deve ser uma prioridade. Diante dessa situação, a demanda por cargos de CISO aumentou consideravelmente. Hoje, muitas empresas migraron al teletrabajo e, por isso, é necessário um(a) profissional para garantir a segurança das informações da empresa.

“Porém, com o avanço tecnológico, a transformação digital e o uso da nuvem, o(a) CISO deixou de ser um(a) profissional técnico(a) fora da estratégia de negócios, para passar a fazer parte dos processos de negócios das empresas, assumindo um papel fundamental dentro das organizações”, menciona a IMF Business School.

ciberseguridad

Imagem: Gobertia

Quanto aos conhecimentos que este(a) profissional deve ter, um(a) CISO possui estudos em engenharia da computação ou telecomunicações. Ele(a) também tem vasta experiência em novas tecnologias e segurança da informação. É importante que este perfil tenha conhecimentos jurídicos e certificações internacionais reconhecidas na área como a Certificação de Auditores de Sistemas de Informação (CISA), a Certificação de Riscos e Controles de Sistemas de Informação (CRISC) ou a Certificação de Gestão de Segurança da Informação (CISM), entre outras.

Funções do(a) CISOO Livro Branco do(a) CISO detalha o seguinte:

  • Projeta e implementa a estratégia de segurança da empresa
  • Previne, detecta e analisa vulnerabilidades.
  • Fornece soluções rápidas para qualquer incidente de segurança cibernética.
  • Alinhe a estratégia de segurança cibernética com os objetivos da empresa.
  • Define normas de segurança e garante conformidade.
  • Treina e conscientiza a organização sobre segurança da informação.

E-commerce Manager

Não é surpresa que, nos últimos meses, o surgimento de empresas de e-commerce tenha aumentado, em grande parte devido ao surgimento do COVID-19 e às limitações para vender presencialmente. Em muito pouco tempo, as empresas migraram para o mundo digital e os consumidores passaram a adotar uma nova forma de fazer compras. Quem nunca comprou no e-commerce deu o primeiro passo e incorporou uma nova forma de comprar no seu dia a dia.

Bem, como isso afeta o mercado de trabalho? As empresas estavam preparadas para implantar um e-commerce em pouco tempo devido à grande demanda por compras on-line? O que as espera em 2021? Sem dúvida, os hábitos de consumo on-line vão continuar a crescer e, ante isso, ter os(as) melhores especialistas é uma obrigação.

e-commerce

Imagem: Shutterstock

Em linhas gerais, um(a) E-Commerce Manager é o(a) profissional responsável pelo comércio eletrônico ou loja on-line de uma empresa.

O(A) E-commerce Manager deve ter grande capacidade analítica e ser muito organizado(a). Além disso, precisará estar ciente das últimas inovações tecnológicas, ser um(a) especialista em CMS (sistema de gerenciamento de conteúdos) e ter sólidos conhecimentos em gerenciamento de dados, SEO, SEM e segurança on-line.

O portal do IEBS menciona algumas de suas funções:

  • Gerenciar vendas diretas e indiretas por meio de portais de e-commerce e marketplaces.
  • Ele(a) é o(a) mestre do funil de conversão.
  • Definir KPIs e desenhar estratégias de vendas.
  • Gerenciamento de dados por meio de Analytics para rastrear KPIs.
  • Gerenciar o CMS usando conhecimentos básicos de HTML.
  • Gerenciar campanhas de vendas diretas com SEM.
  • Implementar a estratégia de conteúdo com base no posicionamento de SEO.

Como você verá ... nos próximos meses o mercado de trabalho continuará mudando e os(as) profissionais precisarão de mais capacitações on-line para conseguir empregos melhores e aprimorar seus potenciais. A vida é um aprendizado constante e as empresas continuarão exigindo cargos cada vez mais especializados. Quer continuar capacitando-se? No Crehana para empresas oferecemos um programa de skilling personalizado para identificar os pontos de melhoria de sua equipe. 

Recomendados para ti