5 práticas de inovação para empresas tradicionais

Última actualización 05 de Septiembre del 2020

user

Juliane Angeles

5 práticas de inovação para empresas tradicionais 5 práticas de inovação para empresas tradicionais

Devido às circunstâncias, muitas empresas tradicionais foram obrigadas a tomar decisões complexas em pouco tempo e a pôr em prática novas metodologias para se manterem no mercado. A tecnologia tem sido sua melhor aliada. No entanto, isso não foi fácil (na verdade, não é).

Por outro lado, apesar da crise da Covid-19, há algumas empresas que ganharam em resultados e até cresceram consideravelmente. Isto se deve principalmente aos seus modelos de negócios focados na inovação. O que mostra a importância da inovação em contextos difíceis.

Agora, a questão é: como as empresas podem inovar com esquemas tradicionais? É possível? Claro. Para isso, terão que encontrar um novo modelo de negócios que lhes proporcione maior criação de valor. Neste artigo, informamos quais práticas de inovação podem ser aplicadas para alcançar isto.

 

Índice

  1. O que é inovação nas empresas?

  2. A importância da inovação nas empresas

  3. Analisar outros modelos de negócios

  4. A tolerância ao fracasso

  5. Um trabalho colaborativo responsável

  6. Experimentar para aprender

  7. Uma liderança firme e horizontal

 

1. O que é inovação nas empresas?

Além de gerar uma mudança e aplicar novas ideias ou melhorar as existentes, a inovação do modelo de negócios permite a uma empresa criar, entregar e capturar valor.

É uma nova cultura que busca criar um sistema que produza valor para os clientes e para a própria organização. A inovação pode ser muito atrativa para empresas tradicionais que desean crecer, melhorar seus processos ou alcançar uma transformação digital efetiva.

No entanto, apesar de ser uma cultura com fama de “divertida”, acaba sendo uma prática difícil de criar e manter. Mas por que se acredita que a inovação nas empresas é fácil de implementar? Talvez estejamos apenas olhando para a parte mais amigável.

De acordo com um artigo da HBR, “A razão é que as culturas inovadoras são mal interpretadas. Os comportamentos fáceis de gostar que atraem tanta atenção são apenas um lado da moeda. Estes devem ser neutralizados por comportamentos mais duros e francamente menos divertidos”.

Portanto, as duas faces da inovação do modelo de negócios são:

  • A tolerância ao fracasso requer uma intolerância à incompetência.

  • A vontade de experimentar requer disciplina rigorosa.

  • Um bom clima organizacional exige que as pessoas se sintam livres para falar com sinceridade, sem medo de represálias.

  • O trabalho colaborativo deve ser equilibrado com a responsabilidade individual.

  • Uma liderança horizontal sem hierarquias requer um líder firme e visionário.

 

Foto: Freepik


2. A importância da inovação nas empresas

Se você se pergunta por que a inovação é importante nas empresas, a resposta mais simples é porque ela cria valor. Mas vamos expandir a ideia um pouco mais.

Quando dizemos que a inovação do modelo de negócio é relevante porque “cria valor”, é porque é um valor integral, que visa favorecer os clientes, os colaboradores, os acionistas e a sociedade em geral.

Estes são alguns dos benefícios da inovação no modelo de negócios:

  • Quanto maior a criação de valor, maior o crescimento como empresa.

  • Traz consigo novas práticas e sistemas que podem se tornar referências para outros, mas são difíceis de replicar.

  • Torna o crescimento sustentável possível ao longo do tempo

  • Modelos de negócios com abordagem inovadora proporcionam maior solidez, mesmo que o mercado seja afetado por crises ou contextos imprevistos.

 

baixe o webinar da marca de empregador

3. Analisar outros modelos de negócios

Não se trata de copiar fielmente outros modelos de negócios, mas de fazer uma pesquisa e comparar o que as empresas mais inovadoras do mundo estão fazendo atualmente. Lembre-se de que os melhores modelos de negócios são aqueles adaptados às necessidades de seus clientes, às características de seu setor e aos seus objetivos comerciais.

Esta busca consiste em encontrar modelos de negócios que ajudem você a projetar um modelo de negócios que permita gerar mais valor do que você já tem.

No site Business Model Navigator você pode encontrar mais de 50 modelos de negócios que pode aplicar à sua empresa. Cada um desses padrões oferece um modelo prático que permite criar novos modelos de negócios desde o zero ou aprimorar seu modelo de negócios existente.

Foto: Freepik

4. A tolerância ao fracasso

Esta é uma das práticas mais importantes, pois a inovação também tem a ver com o desconhecido e incerto. Mas o que exatamente isso acarreta? Ser intolerante com a incompetência. Na verdade, muitas das empresas inovadoras passaram por fases adversas em sua história.

Como implementar essa abordagem no meu negócio? As empresas com cultura inovadora fazem o seguinte: recrutam os melhores talentos, estabelecem níveis de desempenho elevados, desenvolvem as competências técnicas e sociais de suas equipes, promovem o pensamento crítico e criativo e uma boa gestão. E se ao longo do caminho se encontram com pessoas que não se sobressaem, elas as mudam de funções ou as deixam ir embora.

Um exemplo claro desta abordagem é o Google, conhecido por ter uma cultura amigável, mas com um sistema de desempenho rígido, o que o torna um dos locais mais difíceis de encontrar trabalho.

5. Um trabalho colaborativo responsável

O trabalho colaborativo é um dos pilares das empresas inovadoras. É uma metodologia em que os membros de uma equipe de trabalho colaboram entre si para atingir um objetivo comum, ou seja, contribuem com ideias e conhecimentos e aprendem uns com os outros, independentemente de estarem no mesmo espaço. Seu sentido de responsabilidade é coletivo.

No entanto, para que o trabalho colaborativo seja eficaz e enriquecedor, deve estar focado na responsabilidade. As equipes podem propor ideias, mas, no final, quem tomará as decisões e será responsável por elas são pessoas específicas. E uma cultura de responsabilidade é aquela em que as pessoas tomam decisões e assumem as consequências.

6. Experimentar para aprender

Adotar a experimentação como parte da inovação da empresa não significa trabalhar sem ordem. Embora experimentar requer sentir-se confortável com a falta de certeza, também exige disciplina. Experimenta-se aprender tudo? Não. Experimenta-se para aprender "mais do que produzir um produto ou serviço imediatamente comercializável".

E aprender por meio da experimentação requer perseverança. As empresas inovadoras são muito rigorosas quando se trata de levar adiante uma ideia para um novo produto ou serviço. Nem todos os experimentos realizados são colocados em prática; então, às vezes uma ideia pode ser descartada ou repensada.

Como observado no HBR, os experimentos são "cuidadosamente selecionados com base em seu valor potencial de aprendizagem e rigorosamente projetados para produzir o máximo de informações possível em relação com os custos".

7. Uma liderança firme e horizontal

Como as pessoas em sua empresa interagem, independentemente de suas posições? Os membros da equipe podem conversar abertamente com os líderes das áreas? A hierarquia importa muito?

Se você deseja abraçar a inovação na cultura de sua empresa, pode começar mudando o tipo de liderança exercida nela. Referimo-nos, principalmente, à liderança horizontal e baseada em pessoas, onde os membros da equipe se sentem seguros e confortáveis para tomar decisões e expressar suas opiniões. Em resumo, uma liderança que valoriza as competências das pessoas antes de seus cargos.

Em geral, as empresas com esse tipo de liderança reagem mais rapidamente às mudanças de situação, uma vez que a tomada de decisões não se concentra em uma ou duas pessoas. Mas este não é o único benefício de uma liderança horizontal.

Além disso, elas fomentam "uma diversidade de ideias mais rica do que as (empresas) hierárquicas, porque se valem do conhecimento, da experiência e das perspectivas de uma comunidade mais ampla de contribuintes".

Finalmente, lembre-se de que a liderança horizontal permite a autonomia das pessoas, mas também requer líderes firmes, que saibam como direcionar e comunicar estratégias claras. Então, que tipo de líder você gostaria de ser a partir de agora? Convidamos você a conhecer os tipos de liderança que 2020 exige..

Como a Crehana Empresas ajuda sua equipe?

 

A inovação não deveria ser um termo distante. O contexto atual tem nos mostrado que as empresas com um modelo de negócio inovador são as que melhor estão preparadas para superar situações adversas.

Recomendados para ti